Na minha cama



Na minha cama de noite, por mais que não queira pensar em nada
Cenas me vem a cabeça de tudo que passamos juntos
Nossas brigas (nossos ciúmes) nossos erros e acertos
Nas minhas rizadas quando não sabia o que falar
As lágrimas dos meus olhos que escorriam e você enxugava
Dos beijos ao pé da orelha que me fazia ficar arrepiada
Lembro de quando eu te olhava e viajava
e você pensava que não estava prestando atenção em nada
Lembro das noites, no ponto da praça
Quando eu sentia frio e você me abraçava
Quando eu me arrepiava e você me acariciava
É na minha cama que sinto a sua falta
É na minha cama que sinto o seu cheiro
É na minha cama que fecho os olhos para te sentir melhor
É na minha cama que sinto suas mãos segurando a minha cintura
e beijando o meu pescoço e me fazendo ficar toda arrepiada
Dizendo o quanto me ama que nunca irá me abandonar
É na minha cama que abro os meus olhos e  vejo que você não está
É na minha cama que queria que estivesse...
( Thay Lambert)

5 Comentários:

ॐ Camila Anastasi 10 de maio de 2010 17:22  

Meu lugar preferido é a minha cama sabia?!

É nela que faço meus planos, que penso nas coisas erradas que fiz e nas boas tambem!
Entre outras coisas... mas lá é meu cantinho preferido!!!

Luh_Rune 10 de maio de 2010 18:39  

muito bom o texto... vc escreve bem!

Luh_Rune 10 de maio de 2010 18:42  

Legal, vc escreve muito bem!!

Paz!!!Luara no Reino!!! 14 de maio de 2010 05:04  

Oi!Desculpe a demora,viu?
Provavelmente,(até pelas coisas que vc escreveu,dá pra ver),vc não só é complicada com alimenta complicações.E se propõe a resolver os problemas dos caras etc...
Eu era assim também!Até que todos nós somos responsáveis por tudo que acontece com a gente.Ninguém é "coitadinho"!Isso me chocou,a princípio,mas depois eu parei pra observar.Te convido a fazer o mesmo!
Muito obrigada por comentar lá no Prosperarte!:DFui!
http://www.prosperarteonline.blogspot.com/

Postar um comentário

  © NOME DO SEU BLOG

Design by Emporium Digital